Depois de 13 anos de carreira na área, o engenheiro cearense Jorge Wilson Porto Freire funda sua própria empresa de construção civil.

Em 1984, a Porto Freire Engenharia iniciou as atividades no mercado de imóveis com uma ideia inovadora, que faria uma grande diferença para milhares de famílias ao longo do tempo.

Em meio ao caos inflacionário da época, que inviabilizava o financiamento e acesso à casa própria para a grande maioria da população, a empresa lançou o sistema de autofinanciamento, que diferia das práticas convencionais do mercado em muitos aspectos.

Além de tornar possível o sonho da casa própria, o autofinanciamento contribuía de maneira significativa para educar financeiramente as pessoas, introduzindo a necessidade de um planejamento em longo prazo, que possibilitasse conquistar seus objetivos.

Dessa forma, tanto pelo seu caráter inovador quanto pela sua eficiência prática, o sistema de autofinanciamento atendeu plenamente o anseio de muitas famílias e se consolidou no mercado cearense, caracterizando a Porto Freire Engenharia como uma empresa que "faz a diferença".

Linha do tempo
  • 1984 - 1990
  • 1991 - 1995
  • 1996 - 2000
  • 2001 - 2005
  • 2006 - 2011
  • 2011 - Dias atuais
  • Em outubro de 1984, depois de 13 anos de carreira na área, o engenheiro cearense Jorge Wilson Porto Freire funda sua própria empresa de construção civil a Porto Freire Engenharia e Incorporação Ltda. Na época o segmento imobiliário em Fortaleza não apresentava soluções que atendessem à demanda do mercado.

    A alternativa encontrada pelo engenheiro Jorge Porto Freire estava na construção por administração ou a preço de custo, procedimento de construção civil regulamentado no Brasil em 1964, e nunca antes realizado em Fortaleza. Foi com a ideia para solucionar o déficit de moradia local que o engenheiro iniciou o primeiro grande desafio da empresa: convencer pessoas a aderir ao sistema de pré-aquisição de imóveis em construção. Passaram-se 03 anos até que o empreendimento Morada das Damas, situado no bairro Damas, começasse a ser construído.

    A construção das 83 unidades do condomínio levou dois anos para ficar pronta e assim comprovar a eficiência da construção por administração. Na década de 90, a empresa dava seus primeiros passos, investindo na divulgação e vendas de três outros empreendimentos: Condomínio Ideal, Condomínio Belo Horizonte e Belvedere Park.

  • Até 1992, a Porto Freire fazia adaptações administrativas no sistema de financiamento a preço de custo para adequar às necessidades locais, especializando-se nessa modalidade de construção. Então, em janeiro de 1993, a Porto Freire desenvolveu uma marca para distinguir os serviços prestados por ela e proteger-se contra a ação de especuladores.

    Assim, nasceu a PREVCON (Sistema Nacional de Pré-Aquisição de Imóveis em Construção), feita para patentear a construção por administração. Já com 50 funcionários no quadro, a Porto Freire passa a desenvolver trabalhos de Organizações e Métodos, por meio de uma consultoria especializada, para aprimorar a qualidade de produtos e serviços oferecidos aos seus clientes.

    Em 1994, a empresa completa 10 anos de existência, e inaugura sua primeira central de vendas, localizado na Avenida 13 de Maio, voltada especificamente para as vendas e atendimento dos clientes. Nesse mesmo ano também celebra a entrega de dois outros empreendimentos construídos pelo Sistema PREVCON: Condomínios Ideal e Belo Horizonte.

  • A Porto Freire colhe os frutos de uma empresa sólida e conhecida no mercado. Internamente começa a investir na informatização dos sistemas e amplia o quadro de funcionários para 70 colaboradores. O sistema de Organização e Métodos implantado no administrativo inicia um programa de Melhoria nas Obras e desenvolve treinamento para os operários, racionalização de mão-de-obra e layout para os canteiros.

    No mercado, a Porto Freire lança três outros empreendimentos e alcança recorde de vendas, ganhando o primeiro prêmio Máster Imobiliário. Diante deste contexto de mudanças positivas, a Porto Freire estabelece uma cultura de pesquisa de mercado, satisfação de clientes e política de valorização dos funcionários através de comunicados e eventos internos. Em 1998, a Porto Freire executava a construção simultânea de 8 obras e entregava 170 unidades. A empresa investe no relacionamento com os próprios clientes através de programas socais voltados para a aprendizagem e o crescimento.

    Ainda nesse ano, a Empresa inova para conquistar vendas e monta um stand de vendas móvel que levava os empreendimentos da Porto Freire para as cidades do interior do Ceará. E assim, em 1999, ao completar seus 15 anos de existência, a Porto Freire Engenharia detinha 25% de participação no mercado, com uma carteira de aproximadamente 5 mil clientes e recebia o segundo prêmio Máster Imobiliário por quantidade de unidades vendidas.

  • Na virada do milênio, a empresa dava continuidade aos seus trabalhos concluindo e entregando 5 torres dos empreendimentos em construção. Com a credibilidade das entregas, a empresa preparava-se para lançar seu projeto mais ousado, o Parque del Sol, um projeto que, além das obras, prevê a urbanização para as áreas comuns do loteamento de mais de 200 mil metros quadrados.

    Na administração da empresa, os funcionários passam por um treinamento para implantação e certificação da ISO 9001:2008. Nesse ano, a Porto Freire conquista o 4º Prêmio Máster Imobiliário, da Secovi. No décimo oitavo ano de existência, a Porto Freire trabalha na construção simultânea de 17 obras, entregando 3 empreendimentos e realizando o lançamento de 4 outros. As vendas tomam um ritmo tão intenso, e uma campanha institucional destaca os feitos do Sistema Prevcon.

    O ano de 2003 se encerra com a entrega de 3 outros empreendimentos e o 5º Prêmio Máster Imobiliário, da Secovi, por unidades vendidas. Em 2004, a Porto Freire lança campanha institucional “20 anos construindo com você”.

  • A Porto Freire Engenharia trabalha para se posicionar no mercado como Grupo Porto Freire, uma empresa que detém o sistema de financiamento de construção a preço de custo (Prevcon), construção e incorporação e administração condominial.

    O novo planejamento estratégico é definido e o modelo de gestão administrativa Balanced Score Card – BSC é implantado para acompanhar os indicadores de progresso da empresa. Nos canteiros, a diretoria técnica implanta a filosofia da construção enxuta, trabalho que visa aproximar ao máximo na obra o que é realizado do que foi previsto. As ações de comunicação e marketing são redirecionadas.

    Não há nenhum lançamento durante o ano de 2007, em compensação, a empresa entrega 7 empreendimentos e recebe três prêmios Máster Imobiliário, da Secovi, de uma única vez: um de unidades vendidas, outro de administração condominial e o último de unidades incorporadas.

  • Em 2011 a empresa inova uma vez mais e começa a atuar no mercado de construção com a comercialização de unidades a preço fechado, mas, mesmo assim, consegue fazer com que as vantagens e facilidades para o cliente permaneçam em relação ao custo total. Durante todos esses anos, a empresa se viu fortalecida por esse Sistema, que criou vida própria e hoje é percebido e trabalhado separadamente como uma marca de identidade própria: o Sistema Prevcon.

    Esse sistema é responsável pela comercialização de um mix de produtos específico. Diante o grande crescimento da marca do Sistema Prevcon, a Porto Freire também se posiciona no mercado à frente da comercialização de unidades domiciliares com um caráter diferenciado no que diz respeito ao seu mix de produto. Porto Freire e Sistema Prevcon permanecem frutos de uma mesma ideia que, com as devidas proporções e repercussões no mercado imobiliário cearense, tiveram suas abordagens comerciais e de mídia adaptadas ao perfil de cada grupo de clientes.

    Com a diversificação das atividades e o sucesso do Sistema de Compra Programada foi constituído o Grupo Porto Freire que abriga, além da Porto Freire Engenharia, responsável pela comercialização de imóveis a preço fechado, a Prevcon, marca do Grupo que assina os produtos da classe econômica. A Fundação Porto Freire é uma iniciativa através da qual o Grupo Porto Freire divulgava e disseminava os valores relacionados aos seus fundamentos filosóficos e às práticas de responsabilidade social, cultural e ambiental.

    A empresa também faz diferença no seu método de trabalhar apoiando o crescimento de quem colabora para fazer a diferença. A forma como se propõe a aquisição de uma unidade residencial é a evidência no mercado da conduta humanista da Porto Freire Engenharia, expressa nos seus projetos sociais como o Ecoatitude e a disponibilização de módulos de desenvolvimento humano para os colaboradores (coral, flauta, piano, filosofia). Por trás desses planos e ações, cultiva-se a disciplina como chave para o funcionamento de todo o sistema.